7 pontos chave para você desenvolver a sua equipe de TI em 2020.

No início, pode parecer que uma organização está economizando dinheiro, usando apenas o seu conhecimento interno para desenvolver a sua equipe e mantê-la atualizada.

Porém, sem o treinamento constante e a percepção do setor de tecnologia, sua equipe profissional de TI, muitas vezes perde informações e experiências que são importantes para sua empresa como um todo.

Portanto, escolher e desenvolver a sua equipe de TI da maneira correta para trabalhar pode ser uma tarefa difícil, porém, inevitável.

Contudo, podemos ajudar neste processo. Se você deseja no ano de 2020 agregar valor à sua empresa por meio da redução do tempo de inatividade, aumentando a produtividade do negócio, tendo uma equipe flexível e resistente a interrupções ou mudanças, acompanhe os 7 pontos chave sobre o assunto.

Os 7 pontos para desenvolver a sua equipe

1.Treine os seus colaboradores

Primeiramente, se seus colaboradores não entenderem como usar efetivamente a tecnologia disponível no local de trabalho, isso certamente prejudicará a produtividade e o fluxo de produção.

Dessa forma, os colaboradores treinados adequadamente gastam menos tempo na solução de problemas e mais tempo em tarefas produtivas e geradoras de receita.

Não só isso, quando os funcionários conhecem os aplicativos e demais sistemas que usam, podem trabalhar com praticidade e concluir projetos mais rapidamente.

Portanto, perceba que as empresas que usam todas as suas soluções de maneira eficaz, provavelmente superarão as que lutam para entender o básico.

Sendo assim, treinando seus colaboradores, sua empresa estará à frente para projetos inovadores.

2. Crie metas inteligentes, mas desafiadoras

Estímulo é a chave para a proatividade. Contudo, há uma necessidade de “saber estimular”. Criar metas é fácil, qualquer gestor pode fazer isso para seus colaboradores.

No entanto, a questão aqui, não é só criar metas para que sejam batidas ou superadas. Apesar de sua empresa poder trabalhar com máquinas, sua equipe não é uma delas.

Por isso, as metas devem produzir algo mais do que resultados. Ou seja, elas devem gerar conhecimento, trazer obstáculos novos (não inatingíveis), para formar um pensamento crítico e proativo.

Portanto, desafie sua equipe com metas inteligentes, alcançáveis, no entanto, com relativo esforço. Assim, eles terão o prazer do conhecimento, e sensação de dever cumprido.

3. Melhore a comunicação interna

Ter uma comunicação clara para desenvolver a sua equipe e conectá-la às informações corretas no momento certo, impede que as pequenas situações se tornem grandes problemas.

Ou seja, quando algo inevitavelmente dá errado, toda a equipe pode responder rapidamente, logo ninguém precisa ser pego de surpresa.

Sendo assim, a comunicação interna realiza muito mais do que melhorar o fluxo de informações.

Inegavelmente, os líderes que utilizam técnicas modernas de comunicação interna têm o “controle” do que seus funcionários estão pensando e fazendo.

Decerto, isso não é para exercer poder sobre colaborador algum. Pelo contrário, isso fornece uma forte consciência situacional e uma forte compreensão dos pontos fortes e fracos dos funcionários.

4. Forneça feedbacks constantes

Existe uma forte correlação entre a troca de feedback e o envolvimento dos funcionários. Não apenas pelo seu potencial de resolver problemas rapidamente e aumentar o compartilhamento de conhecimento. Mas, porque é uma ação que garante que o profissional seja reconhecido com mais regularidade.

Outro benefício de uma forte cultura de feedback é que ela fornece aos funcionários as ferramentas para resolver os problemas antes que eles aumentem.

Ou seja, quando os gestores não se sentem desejosos de compartilhar feedback aos colaboradores, mesmo em contratempos menores, com o passar do tempo, eles podem se transformar em grandes dificuldades para a empresa.

5. Permita o crescimento profissional

Supreendentemente, esse ponto é negligenciado por muitas empresas. Isso porque uma parte delas deseja apenas um trabalho bem feito e de acordo com as normas estipuladas.

Há também outra desculpa por parte delas. Sendo os colaboradores melhor capacitados profissionalmente, certamente irão querer novas oportunidades em outras organizações de status mais elevado.

Ledo engano. Cada vez que sua empresa, não só permite, como proporciona o crescimento profissional, está dando ao seu colaborador a oportunidade fazer muito mais pela organização onde trabalha.

Portanto, investir, bem como apoiar o crescimento profissional de TI, não é só estratégia, mas, também empatia.

6. Invista em tecnologia para auxiliar no trabalho

Tecnologia nunca é demais. Sabemos que o investimento em tecnologia adequada para o seu ramo de negócios significa disparar na frente da concorrência, uma vez que o mundo é digital.

Não há mais espaço no mercado para quem “economiza” nas inovações tecnológica. Portanto, investir em tecnologia é ter certeza de retorno rápido para o negócio.

7 – Invista em processos seletivos assertivos

Por fim, saiba que, se não há um processo seletivo bem estruturado e totalmente focado no que sua empresa necessita, você perderá tempo, dinheiro e força de trabalho.

Ou seja, quando os processos seletivos não são assertivos, as contratações resultam em falta de experiência, personalidade desalinhada com a cultura da empresa e rotatividade alta de colaboradores.

Por isso, se faz necessário um parceiro para oferecer melhores processos seletivos para sua organização. Assim sendo, saiba que a Conquest One é especialista em Staffing de TI.

Ou seja, a Conquest One facilita o processo desafiador das organizações em encontrar os profissionais mais adequados para viabilizar seus projetos de TI.

Ademais, a Conquest One conta com ferramentas para definir o cargo e perfil correto do funcionário contratado, bem como aconselhamento aos parceiros e diversos benefícios. Dentre eles estão:

  • maior qualificação;
  • implementação mais rápida de projetos;
  • possibilidade de focar no core business;
  • a escolha certa em Staffing de TI.

Diante disso, você pode começar hoje mesmo esses 7 pontos chave para desenvolver sua equipe de TI em 2020. Para tal, conte com a Conquest One para realizar o melhor processo seletivo que sua organização já viu. Entre agora em contato e agende uma reunião!

Staffing de TI: os benefícios que essa solução pode trazer ao seu negócio

Staffing de TI

Há alguns anos, as empresas contam com um recurso eficiente para montar o seu time de TI sem a necessidade de selecionar, contratar e treinar os profissionais desse setor. Trata-se do Staffing de TI, uma espécie de terceirização de recursos humanos totalmente focada em profissionais especialistas em tecnologia da informação.

Esse tipo de solução traz inúmeras vantagens para a organização que a adota. No entanto, para obter todos os benefícios desse serviço, é necessário que ela procure e entre em contato com um especialista em Staffing de TI, como é o caso da Conquest One.

Assim, esse especialista será capaz de conhecer as suas necessidades na área de TI, que podem estar relacionadas a algum projeto de desenvolvimento de softwares, por exemplo, e indicar os melhores profissionais que atenderão os anseios da sua organização.

Também é importante citar que durante o tempo em que os profissionais estão alocados no seu ambiente de trabalho, eles mantêm o vínculo com o parceiro, mas é você que faz a gestão deles.

Dessa forma, você fica livre e é capaz de dispensá-los tranquilamente, já que eles podem ser contratados por período ou por projeto específico. Nesse modelo de serviço, não há a necessidade de se preocupar com possíveis encargos trabalhistas.

Esse tipo de solução está sendo cada vez mais difundido e usado em empresas de diversos portes e segmentos. Afinal, além desse benefício que já comentamos, ele traz alguns outros que poderão ser decisivos à sua organização. Conheça mais a seguir!

Os benefícios que o Staffing de TI oferece

Redução de custos

Atualmente, é um fato que muitas empresas estão se esforçando para reduzir os seus custos operacionais. Nesse caso, o Staffing de TI surge como um grande aliado.

Através desse tipo de terceirização, é possível converter custos fixos na área de TI em custos variáveis, permitindo que a organização tenha mais controle do que gasta para economizar quando for preciso.

Em relação ao Staffing de TI, ele é muito assertivo em relação a esse benefício, já que o processo tradicional de contratação e treinamento de um profissional da área ou até mesmo uma equipe inteira pode ser extremamente caro.

Também há os casos em que os funcionários não correspondem às exigências do cargo ou às expectativas da empresa, gerando perda de tempo e custos com encargos trabalhistas, conforme falamos anteriormente.

Maior qualificação

Muitas vezes, o setor de recursos humanos não conta com a expertise necessária para encontrar o profissional de TI certo que atenda aos anseios da empresa. Algo que um parceiro com conhecimento e especialista em Staffing de TI ajuda (e muito).

Também é um consenso que os profissionais de TI devem se qualificar constantemente, seja através de cursos ou de certificações, algo que a Conquest One, especialista no assunto, preza e incentiva nos profissionais que trabalham junto a ela.

Ou seja, contar com uma empresa que oferece a solução de Staffing de TI é sinônimo de contar com os profissionais com perfil ideal e qualificados adequadamente para as necessidades da sua empresa.

Implementação mais rápida de projetos.

Em relação ao desenvolvimento de projetos pontuais, quando ele é realizado internamente, leva-se várias semanas ou até meses para procurar, selecionar e contratar os profissionais certos, bem como treiná-los, caso for necessário.

Por outro lado, quando uma empresa terceiriza o serviço de recrutamento de profissionais de TI através de um especialista, ela consegue em menos tempo obter a mão de obra especializada para iniciar os seus projetos ou atender as suas necessidades de negócio.

Possibilidade de focar no core business

Sabemos que, atualmente, as organizações nem sempre contam com recursos suficientes para manter o foco em várias áreas de negócio, como a TI e o administrativo, por exemplo.

Esse cenário impacta negativamente, pois muitas acabam desviando do propósito do negócio para resolver problemas do setor da Tecnologia da Informação.

Assim, o Staffing de TI pode ajudar a sua empresa a se manter totalmente focada em seu core business, sem despender esforços em decisões complexas em recrutamento de pessoal qualificado e outras decisões importantes do setor de TI.

A escolha certa em em Staffing de TI

Além da preocupação com a experiência do parceiro que fornecerá o serviço de Staffing de TI, a sua empresa deve saber claramente qual o escopo do projeto, sua necessidade e do perfil do profissional que deseja contar.

Um bom parceiro ajuda a sua organização a responder essas perguntas, trazendo o nome certo para você.

Assim como citamos durante esse artigo, a Conquest One é especialista em Staffing de TI no Brasil, possuindo todo o conhecimento e a experiência de ter atendido inúmeras empresas e de ter trabalhado com profissionais dos mais variados perfis.

Com essas qualidades, ela oferece serviços de primeira linha, atendendo os seus clientes da melhor forma.

Caso queira saber mais sobre a solução e implementá-la na sua empresa, entre em contato com um consultor e agende uma reunião.

Capacitação de Profissionais em TI: quais são os benefícios

Capacitação de Profissionais em TI

A área da Tecnologia da Informação cresceu exponencialmente no século XXI. Nem mesmo na Revolução Industrial houve tanto avanço, e é por isso que a atual geração está em evidência em relação às demais, já passadas.

Neste cenário, as profissões que vêm crescendo e sobrecarregando o mercado de trabalho são as que envolvem a tecnologia. Com o aumento de habilitados na área, há a necessidade por parte das empresas de contratar os profissionais que são mais especializados e atualizados no ramo.

Essa necessidade das empresas gera maior disputa de emprego, sobressaindo no mercado de trabalho aqueles profissionais que justamente estão mais preparados.

Por isso é de suma importância que os profissionais de TI se mantenham sempre capacitados, ou seja, destacando-se nessa área. Nesse artigo, você conhecerá as principais dicas sobre o assunto. Confira.

Os benefícios da capacitação de profissionais em TI

Em primeira análise, a capacitação de profissionais em TI é vista como uma forma de se destacar entre os demais colaboradores da área. No entanto, não é apenas esse benefício que eles conquistam, mas também outras vantagens que os tornam mais evidentes no mercado. Algumas delas são:

Aumento de produtividade

O profissional de Tecnologia da Informação que investe na sua capacitação automaticamente aposta em seu nível de produtividade. Isso ocorre porque quanto mais especializado ele for, maior a competência para desenvolver mais projetos de maneira mais fluida.

Desse modo, além de ser um recurso para auxiliar o habilitado a aumentar a sua produtividade, a capacitação permite que ele se destaque no quadro de funcionários da empresa que presta serviços.

turnover

Maior nível de empregabilidade

Em vista da quantidade de funcionários habilitados na área da tecnologia, ter um acréscimo no conhecimento é a melhor maneira do profissional se sobressair.

Numa entrevista de emprego, por exemplo, o recrutador escolherá, sem sombra de dúvidas, o funcionário com maior capacitação e que demonstre interesse em sempre se atualizar, independente do nível que se encontre, de júnior à sênior.

Possibilidade de integrar projetos maiores

A capacitação de profissionais em TI é uma forma de abrir portas: aqueles que decidem investir em seus estudos e se atualizarem na área, consequentemente têm mais chances de atingirem as suas ambições profissionais e até mesmo subir na carreira dentro da empresa.

Quanto mais especialização no trabalho, maiores serão os projetos ofertados. Ou seja, a dedicação ao conhecimento é uma maneira de ascender profissionalmente e mostrar competência para todos.

Mais chances de receber melhores salários

Quanto mais os profissionais de TI se capacitarem na sua área de atuação, aumenta também a tendência de receberem melhores salários. Isso se deve à valorização do trabalho e formação dos profissionais, tendo em vista o respeito e reconhecimento pela dedicação que eles tiverem ao se especializarem tema.

Ou seja, estudar mais e aprofundar-se em temáticas de sua área de trabalho são formas de investir na carreira e garantir notoriedade entre os demais profissionais que estão nesse ramo tecnológico.

Resolução de problemas em menos tempo

Um quesito importantíssimo para quem trabalha na área de Tecnologia da Informação é a relação entre tempo versus problema. O tipo de serviço demanda do profissional que o planejamento e a solução estejam dentro dos prazos estipulados.

Se o funcionário responsável por essa área tiver mais conhecimento acerca dos possíveis infortúnios que acontecem nesse ramo, automaticamente seu período para resolução dos problemas diminui – e, em seguida, dá-se espaço para a realização de novos afazeres.

Atualização em novas tecnologias

Por último, mas não menos importante a respeito da capacitação dos profissionais de TI, é a atualização em novas tecnologias. Quem se dedica a essa área necessita, sem sombra de dúvidas, manter-se atualizado quanto às novidades do ramo.

Quanto mais atual esteja o conhecimento do profissional, mais adequado estará o entendimento de uso em relação às novas formas de ferramentas, trazendo ainda mais benefícios para si e para a empresa que presta serviços, por exemplo. Ou seja, esse é um investimento para a vida, que nunca pode ser deixado de lado.

Capacitação para os profissionais de TI: como fazer?

Portanto, chega-se à conclusão de que a capacitação dos profissionais em TI é de suma importância para esse ramo de trabalho. Esta prática possui vários benefícios, que vão do aumento de produtividade até à resolução de problemas em menos tempo, como dissemos anteriormente.

A melhor forma de iniciar a especialização é investindo em cursos qualificadores, sejam de extensão educacional ou em pós-graduações no nicho de serviço. Para isso existem universidades presenciais e até à distância, tudo adaptado para que o profissional obtenha mais aprendizado.

A Conquest One é especialista em Staffing de TI e oferece aos seus profissionais algumas maneiras de se especializarem constantemente.
Gostou do nosso artigo? Quer saber mais sobre a capacitação dos profissionais de TI e outros assuntos relacionados ao mundo da tecnologia? Continue em nosso site, agende uma reunião e saiba tudo sobre a temática! Até mais.

A importância da retenção de talentos em TI na sua empresa

Retenção de Talentos em TI

Você sabe qual é a importância da retenção de talentos em TI no seu negócio? Não há dúvidas de que a área de Tecnologia da Informação ganhou uma importância estratégica nas organizações. Nesse sentido é fundamental pensar nas formas de manter os principais talentos desse segmento na sua organização. Inicialmente, essa tarefa pode parecer árdua por diversos motivos, no entanto, ela fará total diferença para o sucesso da sua organização.

Está interessado em saber mais sobre esse assunto? Neste post explicaremos detalhadamente de que forma a retenção de talentos em TI pode ajudar as finanças do seu negócio, quais os benefícios de manter os funcionários dessa área de atuação e forneceremos dicas que ajudarão o seu negócio a manter os funcionários da área de Tecnologia da Informação. Acompanhe a seguir.

Como a retenção de talentos em TI pode ajudar nas finanças da sua empresa?

Em uma análise inicial, a retenção de colaboradores no departamento de Tecnologia da Informação e as finanças empresariais podem parecer distantes e com pouca relação entre si. No entanto, em uma reflexão mais profunda observamos que esses temas estão intrinsecamente relacionados.

Primeiramente, não é novidade para ninguém que para contratar um novo profissional, a empresa tem uma série de gastos. Entre eles estão as etapas de recrutamento e seleção, onboarding, treinamentos e recursos a serem disponibilizados na capacitação desse novo profissional.

Muitas vezes, todas essas despesas citadas são superiores em relação àquelas investidas na manutenção de talentos. Por isso que a retenção de talentos é tão importante para as finanças das empresas. Ela também traz outros benefícios que mostraremos a seguir.

Quais são os principais benefícios da retenção de talentos em TI? 

A retenção de profissionais do setor de Tecnologia da Informação proporciona vários benefícios para as empresas. Entre eles estão a otimização da produtividade, a diminuição dos encargos trabalhistas, melhora no clima de trabalho e a atração de novos talentos. Abordaremos sobre essas questões detalhadamente na sequência do artigo. Continue lendo!

turnover

Redução de encargos trabalhistas

O excesso de turnover, ou seja, de rotatividade dos profissionais gera muitos gastos com encargos trabalhistas, como multas, pagamento de férias proporcionais ao tempo de trabalho, entre outras verbas rescisórias.

Além desses problemas, como dissemos anteriormente, as empresas também precisam investir mais em processos relacionados a contratação de novos funcionários (seleção, recrutamento, treinamento, entre outros).

Nesse contexto, a diminuição dessas despesas deve ser prioridade nas empresas, já que elas não são estratégicas e não agregam valor ao negócio. Vale destacar que essas mesmas despesas poderiam ser utilizadas, por exemplo, para fazer novos investimentos, abrir filiais, vender novos produtos ou serviços, entre outras finalidades.

Melhora no clima de trabalho

A redução da rotatividade possibilita uma relação mais harmoniosa entre os funcionários. Isso ocorre, pois eles tendem a se conhecer a mais tempo, o que facilita no convívio cotidiano. Quando o clima de trabalho está bom, ele convida os funcionários a sentirem melhor e a produzirem mais, auxiliando a empresa como um todo.

Atração de novos talentos para as empresas

É fundamental que a companhia também saiba atrair bons candidatos e profissionais para processos seletivos futuros. Eles devem ter os conhecimentos, aptidões e valores necessários para assumir um determinado cargo. Dessa forma, aumentam-se as probabilidades de você manter o profissional, o que ajuda a diminuir a rotatividade de colaboradores no seu negócio.

Os profissionais acima da média podem escolher o local no qual desejam trabalhar. Muitos deles tendem a preferir organizações que ofereçam qualidade de vida, desafios e oportunidades de crescimento.

Dessa maneira, se uma empresa encontra dificuldades para manter os melhores talentos, dificilmente conseguirá atrair colaboradores acima da média.

Como reter os talentos em TI?

Esse é um dos principais desafios enfrentados pelas organizações e, por isso, esse questionamento é bastante pertinente. Entre as principais dicas que ajudarão nessa tarefa estão o pagamento de salários compatíveis com o mercado e o investimento na qualificação dos profissionais, por exemplo.

A seguir, listaremos as principais práticas a serem adotadas na sua empresa para manter os melhores talentos em TI.

Manter salários compatíveis com o mercado

Muitos profissionais trocam de empresa pois receberam uma proposta da concorrência, geralmente como um salário melhor ou mais benefícios. Por isso, o oferecimento de salários compatíveis com o mercado (ou um pouco superior) ajudará a sua empresa a manter os melhores talentos. 

Esse cuidado ajudará o colaborador a ter mais qualidade de vida pessoal e um propósito atrelado ao seu trabalho.

Investir em treinamentos e qualificação

Os treinamentos ajudarão os profissionais a estarem mais preparados para enfrentarem os novos desafios mercadológicos. Além disso, eles tendem a se sentir mais motivados a se empenharem mais pela sua empresa. Todas as questões, somadas, contribuem para a otimização da produtividade.

Propor metas desafiadoras

Apesar da questão financeira ser importante, o salário, isoladamente, não é suficiente para manter um funcionário motivado. Por isso que é tão importante também estabelecer desafios para os colaboradoresde forma a incentivá-los a cumpri-los.

Deseja saber como encontrar e manter os melhores talentos em TI para a sua empresa? Entre em contato conosco para agendar uma reunião.

Renovação dos RH’s esbarra no mindset das companhias

Renovação dos RH’s esbarra no mindset das companhias

* por Antonio Loureiro, CEO da CQ1

Desde que criamos a CQ1 Lab, pudemos imergir ainda mais no “mar” de inovação que é possível trazer para a área de recursos humanos. Boas ideias e iniciativas não faltam.  As HRtechs têm trabalhado para solucionar os inúmeros problemas burocráticos do setor: alta rotatividade, profissionais insatisfeitos, reforma trabalhista, e-social entre outros.

No entanto, a concepção frenética de inovações encontra no mercado uma barreira de maturidade e cultura, que dificulta, ou até impede, a implementação dessas soluções dentro das corporações. Os projetos voltados para a área de recursos humanos têm um tempo maior de maturação e retorno financeiro, se comparado com outros mercados. Isso ocorre porque dependem de adaptações significativas nos clientes. Em muitos casos, a adoção de um novo sistema demanda mudanças culturais não só para o departamento de RH, como para toda a companhia.

Contudo, não há outro caminho possível: mais cedo ou mais tarde a mudança no mindset das empresas deverá acontecer.  Elas passarão a compreender a transformação digital como sinônimo de ganho de produtividade. A tecnologia e a qualidade dos planejamentos estratégicos na gestão de pessoas estarão cada vez mais correlacionadas dentro das companhias, apesar da atual resistência do setor e das restrições aos investimentos.

Big Data e IA

Consequentemente a utilização da análise de dados e da inteligência artificial na tomada de decisões para a gestão estratégica de pessoas deverá ser estabelecida com muito mais força em um futuro próximo, como já acontece fora do Brasil há pelo menos três anos. Além da implantação da tecnologia em si, que facilita processos burocráticos, os RH’s devem entender a importância de uma leitura estatística para uma gestão mais inteligente e com melhor direcionamento.

Neste novo cenário, os profissionais de recursos humanos e até mesmo os líderes das empresas deverão se abrir para atualizações tenológicas e relacionadas à interpretação dos dadosc. A partir de agora, esses novos elementos estarão ada vez mais presentes na vida desses profissionais e, utilizar a tecnologia como aliada será crucial para este processo de mudança.